------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
UM VIRTUOSE DO HARD ROCK
David Hepner
 Um dos grandes baixistas de rock do Brasil, Andria Busic faz parte de um trio que se destaca pelo virtuosismo de seus integrantes. O Dr. Sin conta também com o guitarrista Edu Ardanuy e o baterista Ivan Busic, irmão de Andria, para fazer um hard rock de incrível qualidade instrumental – como prova o mais recente lançamento da banda, Animal (2011). O baixista tocou também com nomes como Wander Taffo, Supla e Ultraje a Rigor.

Além da carreira como instrumentista, Andria enveredou recentemente pelo caminho da produção e gravação. Em entrevista concedida ao repórter Heverton Nascimento, ele fala sobre sua carreira e dá dicas de como gravar e tocar melhor. De quebra, Fernando Tavares elaborou uma lição com dez linhas de baixo do Dr. Sin.

- Alex Webster está sempre levando sua técnica ao extremo e analisa minuciosamente suas linhas de baixo. Ele possui grande conhecimento de teoria musical e composição, aplicando inclusive avançadas escalas modais ao death metal do Cannibal Corpse. Webster até mesmo escreveu um livro didático em que destrincha sua técnica de três dedos e outros recursos para quem deseja se especializar no baixo do heavy metal. Confira o ótimo bate-papo que ele teve com a Bass Player.

- Na seção Graves & Grooves, leia uma matéria com Marcelo Granja, do Kid Abelha, e conheça a história da Fodera Guitars e seu conceito na produção de baixos arrasadores.

- Na aula para iniciantes Bê-á-bass, Fernando Tavares mostra elementos de interpretação. E aproveite as lições sobre tapping, pizzicato, baixo acústico, o estilo de Arthur Maia e construção de campos harmônicos.

- Na seção Soundroom, avaliamos o cabeçote Fender Rumble 350 e a caixa Rumble 410, o pedal MXR M84 Bass Fuzz Deluxe e os encordoamentos Ernie Ball Super Slinky e Regular Slinky. Na transcrição completa deste mês, estude as linhas de baixo de Bernard Edwards em Good Times, do Chic. Divirta-se!

Matéria completa na Revista Bass Player 11/Agosto de 2012.
Para adquirir seu exemplar clique aqui.

[VOLTAR]
------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
LEIA TAMBÉM
Mentalidade hermética (27/03/2017)
Músico criticar preconceito com preconceito é inadmissível, ponto contra! Embora não seja mais um ... VEJA MAIS
Diletantismo (07/02/2017)
Numa tarde, há algumas semanas, encontrei o exemplar de um livro meu em um sebo. Aquilo me encheu de alegria. Por mais que ... VEJA MAIS
Comova-se! (23/12/2016)
A falta é um buraco que não se preenche. E não me refiro à falta de algum produto, de um objeto ou um ... VEJA MAIS
Ofício e sacrifício (23/11/2016)
Até onde ou quanto você está disposto a seguir pelo seu ideal? Essa pergunta tem me perseguido bastante ... VEJA MAIS
Teoria da ebulição (19/10/2016)
Enquanto vivemos uma feira aberta de ódio, em que se trocam ofensas, intolerâncias e preconceitos com tesão, ... VEJA MAIS
Patience (14/09/2016)
Recebi a mensagem de um leitor perguntando o que achei da volta de Duff McKagan e Slash ao Guns N’ Roses. A resposta foi a ... VEJA MAIS
 
 



Coloque o seu estudo em dia!






Assinaturas | Contato | RSS | Bass Player U.S |
© Copyright . 1996 . 2011 | BASSPLAYER.COM.BR - MELODY EDITORA | Todos os direitos reservados | Site desenvolvivo por Gustavo Sazes | Abstrata.net